Painel do Associado

Alberto Henriques Teixeira, ex-presidente da ABMS, recebe homenagens em São Paulo

segunda-feira, 16 de julho de 2018 comentários

Ex-presidente da ABMS e do Núcleo São Paulo, o engenheiro Alberto Henriques Teixeira foi homenageado em cerimônia que aconteceu no dia 12 de julho, no Instituto de Engenharia. Profissionais, estudantes e acadêmicos da área da engenharia geotécnica se reuniram para agradecer e enaltecer as importantes contribuições que o professor presta à geotecnia há mais de 50 anos. O evento também comemorou os 90 anos do homenageado, completados em junho deste ano.

Representantes de entidades da área fizeram questão de depor sobre o engenheiro. Representando a ABMS, o engenheiro Celso Corrêa, atual tesoureiro da diretoria nacional e ex-presidente do Núcleo São Paulo, fez parte da mesa junto com Natan J. Levental, idealizador do evento, e Roberto Kochen – ambos do Instituto de Engenharia –, além do próprio professor.

Também compuseram a mesa Nicanor Couto (Ralcon Engenharia), George Teles de Souza (ABEF), Mauri Gotlieb (ABEG) e Faiçal Massad (Poli-USP).

Em seu depoimento, Celso Corrêa agradeceu as contribuições de Teixeira na época em que foi presidente do Núcleo São Paulo e da própria entidade nos anos 60 e 70.

Kochen lembrou de seu tempo de estudante e do início de sua carreira, épocas nas quais muito contou com a ajuda do professor Teixeira na resolução de alguns grandes desafios profissionais.

George Teles, da ABEF, enalteceu a humildade do homenageado. Lembrou do costume de Teixeira em receber os colegas engenheiros em seu escritório para ajudar em questões técnicas complexas que eventualmente os amigos enfrentavam.

Mauri Gotlieb, representante da ABEG, contou sobre a importância que o professor exerceu na sua formação e no início de sua vida profissional, principalmente quando escolheu trilhar o caminho da geotecnia e foi incentivado por Teixeira a estudar fora do país – passo decisivo na formação de sua carreira como engenheiro geotécnico.

Representando a Escola Politécnica da USP, Faiçal Massad lembrou da contribuição acadêmica de Alberto Henriques Teixeira. Pontuou os artigos escritos pelo professor que foram importantes na sua formação e na de muitos outros estudantes, hoje profissionais da área.

Na mesma linha seguiu o engenheiro Nicanor Couto, idealizador do evento. Couto enfatizou o fato de Teixeira, aos 90 anos, seguir exercendo sua profissão em plena atividade, atuando como consultor. E agradeceu o professor pela sua contribuição na formação de outros engenheiros.

Demais profissionais também fizeram questão de prestar suas homenagens e agradecimentos durante o encontro – pessoalmente, por escrito e por vídeo. Foram eles: os engenheiros Akira Koshima, José Henrique Albiero, Sandro Sandroni, Luciano Decourt, Milton Kanji, Luis Carlos Tenuta (Brasfond), além do geólogo Paulo César Abrão.

Ao final dos depoimentos, Roberto Kochen entregou a Alberto Henriques Teixeira uma placa de homenagem como forma de agradecimento de todos os profissionais e entidades presentes às contribuições do professor na área geotécnica.

O homenageado

Com muito bom humor, Teixeira disse estar feliz pelos depoimentos. “Sinto-me muito feliz por estar aqui, ainda que eu ache que isso tudo seja exagero dos meus amigos. Eu não mereço tanto”, riu o professor.

 

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *