Auditório lotado e intensa participação do público marcam 5ª edição do GeoNE

sexta-feira, 24 de novembro de 2017 comentários

A 5ª edição do Simpósio de Geotecnia do Nordeste (GeoNE) contou com a participação de mais de 500 pessoas, entre professores, projetistas, executores, empresários, expositores, alunos de graduação e pós-graduação. “O que surpreendeu foi que o auditório permaneceu completamente lotado do início ao final do evento. Houve uma intensa participação de todos os presentes com o objetivo de apreender e atualizar os conhecimentos”, contou Ricardo Severo, presidente do Núcleo Nordeste da ABMS.

O Simpósio promovido pela ABMS Nordeste e organizado pela Universidade Federal de Alagoas (UFAL), aconteceu nos dias 16 e 17 de novembro, em Maceió, e contou com a presença do presidente da ABMS, Alessander Kormann, e do vice-presidente, Alexandre Gusmão, além dos presidentes dos Núcleos Regionais, Paulo Albuquerque, de São Paulo, Ana Sieira, do Rio de Janeiro e Luis Edmundo Campos.

“O GeoNE já estava com as inscrições completamente esgotadas desde o dia anterior e todos puderam fazer seu cadastramento sem atropelos e sem filas, ao som do saxofonista alagoano Keffas Martins”, lembra o presidente. “Na noite do primeiro dia aconteceu o coquetel de abertura com a presença da cantora alagoana Gabi Leite e Banda”.

O evento

Os principais temas debatidos no GeoNE foram investigação geotécnica, geotecnia ambiental, obras de terra, fundações, taludes, contenções e gestão de risco e infraestrutura e pavimentação, com seis palestras e 18 casos de obras. “As apresentações foram consideradas por todos os presentes de altíssimo nível técnico. Os debates também foram esclarecedores e com intensa participação do público”, comentou Severo.

Cássio Moura, secretário geral do Comitê Brasileiro de Túneis (CBT) da ABMS, foi um dos destaques apresentando um caso sobre escavações de túneis em solos.

O evento também contou com a tradicional Conferência Jaime Gusmão Filho, em homenagem ao engenheiro Jaime Gusmão Filho que presidiu a ABMS de 1982 a 1984 e foi o responsável por reativar o Núcleo Nordeste em 1977. Nesta edição, o professor Faiçal Massad proferiu a Conferência que teve como tema “Características e obras de controle de fluxos de detritos. O caso de Refinaria em Cubatão”.

“Outro ponto alto do evento foram as homenagens a dois importantes engenheiros do Estado de Alagoas os professores Abel Galindo Marques e Vinícius Maia Nobre, valorizando a região”, destacou o presidente do Núcleo Nordeste.
Ricardo Severo também falou sobre a participação dos parceiros comerciais da ABMS que agregaram muito o evento. “A participação dos parceiros comerciais da ABMS foi intensa e propiciou uma rica troca de experiências”.

 

Agradecimentos

“Em nome do Núcleo Nordeste da ABMS agradeço e parabenizo a ABMS, pelo apoio integral, a presidente do evento, Juliane Marques, e também a todos os membros da comissão organizadora, da comissão de apoio, aos participantes, aos apoiadores e patrocinadores. Ressalto que foi muito gratificante e extremamente prazeroso trabalhar ao lado da presidente do evento e sua equipe”, conclui Severo.

Confira também as palavras da professora e presidente da organização Juliane Marques sobre a 5ª edição do GeoNE:

“A comissão organizadora local, juntamente com a comissão de apoio do Núcleo Nordeste da ABMS trabalharam muito e planejaram cada detalhe para proporcionar o melhor GeoNE aos participantes. Tivemos recorde no número de inscritos, com lista de espera, o que representou o maior GeoNE já realizado até hoje! Só tenho palavras de agradecimentos a todos que acreditaram e colaboraram para que esse evento se concretizasse! ”


Comentários


Auditório lotado e intensa participação do público marcam 5ª edição do GeoNE

  1. Marcos Carnaúba disse:

    O evento foi muito bom, e de muita utilidade para mim, Engenheiro Civil – Calculista de Estruturas – Maceió.
    Parabéns aos organizadores pelo sucesso, recorde de público, creio.
    Saudações

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *