Painel do Associado

Cobramseg 2018 já tem recorde de resumos. Congresso acontece entre 28 de agosto e 1 de setembro, em Salvador

quinta-feira, 26 de abril de 2018 comentários

A quatro meses do Congresso, o Cobramseg 2018 já tem números recorde. São 1.600 resumos inscritos. A expectativa é que cerca de 1.000 trabalhos sejam publicados. De 28 de agosto a 1 de setembro, acontecerão cinco eventos em Salvador. Além do XIX Cobramseg, a capital baiana sediará o VIII Simpósio Brasileiro de Mecânica das Rochas, o IX Congresso Luso Brasileiro de Geotecnia, o V Simposio Panamericano de Deslizamientos e o VIII Simpósio de Engenheiros Geotécnicos Jovens (Geojovem). Importantes nomes da geotecnia internacional já confirmaram presença. E a Comissão Organizadora está trabalhando para que seja um evento memorável, com conteúdo técnico relevante e momentos agradáveis para toda a comunidade. Leia todos os detalhes no editorial assinado por Luciene de Moraes Eirado Lima, presidente da Comissão Organizadora, e Alexandre Gusmão, vice-presidente da ABMS.

Crédito da imagem: rmnunes/iStock.com

“A Comissão Organizadora prepara algumas novidades para o Cobramseg 2018. Mas a primeira surpresa veio com o número de resumos inscritos – 1.600. O número é maior do que o registrado em qualquer outra edição do Cobramseg. Foi necessário, inclusive, aumentar o número de revisores para dar conta de tudo. Uma ótima surpresa para todos nós! Com a finalização da revisão, acreditamos que cerca de 1.000 trabalhos sejam publicados. Outro recorde em relação às edições anteriores.

Uma das novidades da edição 2018 estará nas sessões técnicas. Haverá uma mini palestra antes das apresentações dos trabalhos, em cada sessão. Um especialista irá abordar o tema da sessão e fazer ligação com o tema central do evento: Geotecnia e o Desenvolvimento Urbano.

Além disso, o Cobramseg contará com uma mesa-redonda sobre desastres em áreas urbanas, com a participação de especialistas de vários países compartilhando suas experiências.

No Geojovem está outra novidade. Em edições anteriores, o evento concorria com algumas reuniões. Em 2018, não haverá nenhuma atividade ocorrendo em paralelo ao Geojovem. O objetivo é que todos os acadêmicos possam acompanhar os debates junto aos seus alunos e participar ativamente do Simpósio.

Para o Congresso Luso Brasileiro, já estão confirmadas as presenças dos portugueses José Ilídio, responsável pela Área de Segurança de Estruturas da EDP – empresa produtora e distribuidora de energia em Portugal, e Laura Caldeira, investigadora-coordenadora e diretora do Departamento de Geotecnia do LNEC – Laboratório Nacional de Engenharia Civil de Portugal. E, claro, esperamos a participação de muitos outros colegas lusitanos.

O Simposio Panamericano de Deslizamientos está sendo organizado em conjunto com a Sociedade Colombiana de Geotecnia. É um evento preparatório para o Simpósio Internacional de Deslizamentos, que acontece em 2020 na Colômbia. Para este evento, Eduardo Alonso, professor de Engenharia Geotécnica na Escola de Engenharia Civil da UPC – Universidade Politécnica da Catalunha – respeitado internacionalmente, já tem presença confirmada.

O Simpósio Brasileiro de Mecânica das Rochas, organizado pelo CBMR, também vai ser, de certa forma, uma preparação para o Congresso Internacional de Mecânica das Rochas, que acontecerá em Foz do Iguaçu em 2019. Além disso, o evento contará com o RockBowl, que já é sucesso internacional. Acesse aqui mais informações sobre o RockBowl.

Conferências

A tradicional Victor de Mello Lecture, que faz parte do Congresso Luso-Brasileiro, será ministrada por Norbert Morgenstern, engenheiro civil e professor da Universidade de Alberta, Canadá. O tema da palestra será Geotechnical Risk, Regulation and Public Policy.

Já a Conferência Pacheco Silva será proferida por André Assis, ex-presidente da ABMS e professor titular do Departamento de Engenharia Civil e Ambiental da Universidade de Brasília, respeitado internacionalmente. Assis vai abordar tendências e desafios em gestão de riscos.

Minicursos

Como já é tradição, o dia que antecede a abertura dos eventos vai ser dedicado aos minicursos. Veja os cursos confirmados até agora:

Nelson Aoki, engenheiro e professor aposentado da Escola de Engenharia de São Carlos da USP, vai ministrar curso sobre aplicação de métodos probabilísticos em fundações. Ennio Palmeira, professor titular da UnB, vai falar sobre reforço de aterros sobre solos moles com geossintéticos. Fernando Danziger, professor titular da COPPE e Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro, será o responsável pelo tema ensaios de campo e suas aplicações. E Francisco Chagas da Silva Filho, professor associado da Universidade Federal do Ceará, vai abordar Mecânica dos Solos Não Saturados: aplicação a problemas de engenharia geotécnica.

Programação cultural

A parte cultural do Cobramseg 2018 também tem merecido muita atenção da Comissão Organizadora, que está preparando cada detalhe com todo o cuidado.

Salvador é uma cidade linda! Queremos fazer um evento rico tecnicamente, onde as pessoas aprendam muito e façam networking. Mas queremos também que se divirtam, que tenham uma semana deliciosa – de trabalho e de lazer!

Nos vemos em Salvador!

Luciene de Moraes Eirado Lima
Presidente da Comissão Organizadora

Alexandre Gusmão
Vice-presidente da ABMS.

 

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *