Painel do Associado

Comissão de Estudos finaliza a revisão da norma de tirantes ABNT NBR 5629

quarta-feira, 18 de novembro de 2015 comentários

tirantes-internaA Comissão de Estudos para revisão da norma de tirantes ABNT NBR 5629 (Tirantes ancorados no terreno – Projeto e execução) finalizou o texto que será encaminhado agora para Consulta Nacional da ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas. Após 30 reuniões, a CE, chegou a um texto avançado em aspectos técnicos, inserindo detalhes que aperfeiçoaram o texto vigente. Este resultado foi possível graças ao número, ao interesse e à qualidade dos participantes nas discussões. Foram cerca de 10 a 15 participantes por reunião, membros de diversas entidades, incluindo a ABMS.

Conforme divulgado anteriormente, a revisão da norma teve início em março de 2013. Os principais motivos que levaram à revisão foram:
a)    os requisitos da norma atual de calda de cimento (NBR 7681:2013), citada na NBR 5629:2006, que estabelece o fator água-cimento menor que 0,4, não aplicável aos tirantes;
b)    a necessidade da introdução de novos tipos de tirantes;
c)    os sistemas de proteção não condizentes para execução, introduzindo detalhes factíveis usuais;
d)    introdução de detalhes técnicos para outras aplicações que não contenções;
e)    manutenção e inspeções periódicas;
f)    redação de um modo editorial moderno na sequência do processo – projeto, execução e ensaios;
g)    introdução na norma com foco no desempenho dos tirantes.

Atuou como Coordenador da CE o Eng. Walter Iorio e, como secretário, o Eng. João Augusto de Mattos Pimenta, sob relatoria do Eng. João de Valentin. A ABMS participou das reuniões por meio de vários associados, assim como outras associações (ABEF, ABEG) e outros representantes de produtores, consumidores e neutros.

A nova revisão consiste de um corpo principal onde são tratados os assuntos diretamente relacionados ao elemento tirante (definições, projeto do tirante, execução e outros aspectos). Os assuntos mais específicos estão sendo colocados em anexos. O Anexo A mostra as figuras com os elementos básicos e características do tirante. O Anexo B trata dos requisitos de projeto para aplicação de ancoragens em situações específicas (contenções, prova de carga, lajes de sub pressão e outras situações). O Anexo C trata dos sistemas de proteção contra a corrosão. O Anexo D apresenta os métodos de ensaios, cujos gráficos para interpretação dos resultados estão no Anexo E. Finalmente, o Anexo F apresenta os requisitos para assegurar o desempenho dos tirantes ao longo do tempo (vida útil).

O texto da revisão se encontra com o Comitê Brasileiro CB-02 da ABNT, a fim de ser colocado no “template“ da ISO Diretiva 2, que pode sofrer ajustes de forma pela ABNT. Após esta etapa, o texto segue para Consulta Nacional, ficando no site da ABNT por 60 dias, período de tempo em que qualquer interessado pode emitir suas sugestões.

Após o recebimento das sugestões, o texto volta para a CE para aceitá-las ou não. Assim sendo contamos com a colaboração dos associados à ABMS para analisar o texto que será divulgado no site da ABNT para Consulta Nacional.


Comentários


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *