Painel do Associado

Em artigo, Sayão propõe uso de energia limpa e barragens multiuso

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014 comentários

Em um momento de escassez de chuvas e com sérios riscos de racionamento de energia ou água em grandes cidades do Brasil, a edição nº 41 da Revista Fundações & Obras Geotécnicas publicou editorial do ex-presidente da ABMS, Alberto Sayão, comentando sobre as consequências do acionamento das usinas termelétricas ao país, como o aumento da emissão de gás carbônico na atmosfera.

Diante deste cenário, foi enviada uma carta aberta (leia aqui a íntegra) à presidente Dilma Rousseff propondo que o assunto seja discutido de forma aberta, para o melhor proveito de todo o potencial energético que o Brasil possui e que não é utilizado com eficácia. Assinada por entidades tradicionais da engenharia brasileira, a carta destaca que a energia hídrica é limpa e renovável e que o Brasil deve considerar esse potencial como uma de suas riquezas, e aproveitá-la de forma consciente e racional, dentro de um plano estratégico para a produção de energia.

Apontando os vários benefícios que as hidrelétricas com reservatórios adequados podem oferecer, Sayão finaliza pedindo um debate isento, para o benefício de todos.

Para ler a íntegra do oportuno editorial publicado na Revista Fundações & Obras Geotécnicas, acesse aqui.

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *