Painel do Associado

Experiências com muros portantes foi tema de palestra da Huesker em São Paulo

sexta-feira, 28 de setembro de 2018 comentários

Para compartilhar suas experiências com a utilização de muros portantes aplicados em obras de viadutos e pontes – na América do Sul e em outros países do mundo –, a Huesker Brasil promoveu um evento sobre o tema para a comunidade técnica. O encontro realizado no final de agosto contou com o apoio do Núcleo São Paulo da ABMS e atraiu 60 pessoas.

Duas palestras foram ministradas no evento. André Estêvão Silva, diretor de desenvolvimento de mercado da Huesker Brasil, abordou a “Experiência sul-americana com muros portantes em solo reforçado”. Já o engenheiro Oliver Detert, diretor de engenharia da Huesker na Alemanha, falou sobre a “Aplicação de estruturas em solo reforçado com geossintéticos na construção e reabilitação de encontros portantes de pontes”.

“Muros portantes” são uma técnica específica para se construir pontes e viadutos, esclarece Estêvão. “No evento, falamos particularmente sobre o aterro que serve de rampa para acessar a ponte ou viaduto”. (Na foto, o engenheiro André Estevão durante palestra)

“O muro portante se configura quando a estrutura da ponte ou viaduto vai apoiada diretamente no aterro de aproximação, e não em pilares independentes”, explica o diretor da Huesker Brasil. “Isto faz com que o aterro tenha que ser reforçado para suportar a carga elevada com bom desempenho e mínimo risco de colapso. Nesse sentido, apresentei um apanhado da experiência acumulada na América do Sul e alguns projetos realizados no Brasil com nossos produtos”.

Já as questões conceituais e as experiências de projetos na Europa foram abordadas por Detert (foto ao lado).

 

Feedback do evento

“O público era muito bem qualificado, diversificado e numeroso, o que proporcionou um debate interessante”, conta Estêvão. “Todos estavam muito interessados”.

“Para a Huesker, a parceria com a ABMS nos oferece uma ótima oportunidade de comunicação do nosso trabalho e de nossas experiências, assim como estimula o público a entender a seriedade e a qualidade técnica do que será apresentado por nós”, conclui o diretor.

 


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *