Prêmio Icarahy da Silveira é entregue a Pedro Eugênio de Oliveira

segunda-feira, 27 de outubro de 2014 comentários

“Fiquei na dúvida se enviava a minha dissertação para concorrer ao prêmio. Mas o professor Silvio Romero insistiu, dizendo que estava muito boa, que eu poderia ganhar. E então, enviei”. Foi com esse empurrão que o engenheiro Pedro Silva Eugênio de Oliveira, da Universidade Federal de Pernambuco, concorreu e ganhou o Prêmio Icarahy da Silveira da ABMS de melhor dissertação de mestrado na área da engenharia civil e geotecnia.

Na primeira fase de seleção, a dissertação “Análise de Provas de Carga e Confiabilidade para Edifício Comercial na Região Metropolitana do Recife”, orientada pelo professor Silvio Romero, concorreu com outros 18 trabalhos. Na segunda fase, a pesquisa de Pedro Eugênio foi eleita a melhor dentre os seis trabalhos que passaram pelo crivo analítico da Comissão Julgadora da ABMS, indicada pelo Conselho Diretor da Associação.

“Quando soube que tinha ganhado o Prêmio foi uma surpresa. A ABMS fez questão de cobrir as minhas despesas para ir ao Cobramseg 2014 e me convidou a fazer uma mini-palestra sobre o tema do meu trabalho ao público do evento. Fiquei emocionado”, diz Pedro Eugênio. (Na foto, o engenheiro Pedro Eugênio recebendo o Prêmio Icarahy da Silveira das mãos do presidente da ABMS, André Assis. Clique na imagem para ampliá-la)

Para o engenheiro, a iniciativa da ABMS em premiar os melhores trabalhos acadêmicos é gratificante para os profissionais da área. “Saber que você ganhou um prêmio de melhor dissertação de mestrado e ter a oportunidade de divulgar isso para a comunidade acadêmica é muito legal”, comenta Pedro Eugênio. “A ideia de se fazer um estudo não é guardá-lo nas universidades, mas difundi-lo. Dessa forma, o objetivo da ABMS em disseminar o conhecimento também é alcançado”, diz.


Comentários


Prêmio Icarahy da Silveira é entregue a Pedro Eugênio de Oliveira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *