Painel do Associado

Sala na UFPE ganha nome de Jaime Gusmão

terça-feira, 19 de março de 2013 comentários

“Não se esqueçam de abrir as suas mentes e corações para esses grandes deveres que os esperam. Sem o toque do amor, a profissão perde grandeza e o seu exercício pode descer ao nível perigoso dos interesses aviltantes”. É com essa mensagem que o grande engenheiro Jaime de Azevedo Gusmão Filho se faz presente agora na sala de aula de pós-graduação em Engenharia Civil da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE). Com uma solenidade ocorrida em 14 de março de 2013, Jaime deu nome à sala onde há agora uma foto do engenheiro e a frase que incentiva o amor à profissão à qual ele se dedicou durante toda a sua vida. A homenagem foi idealizada pela área de Geotecnia do Departamento de Engenharia Civil da UFPE, onde Jaime Gusmão lecionou durante longos anos.
“Dentro da universidade, ele já foi professor emérito, com diversas homenagens”, lembra Roberto Coutinho, coordenador do programa de pós-graduação em Engenharia Civil da UFPE.  “Mas, a gente queria algo mais próximo, mais carinhoso, no local que sabemos onde ele se sentia muito bem. É uma maneira de todos nós, professores da área de Geotecnia, mantermos a presença dele entre nós”. Coutinho, assim como a maioria do corpo docente deste programa de pós-graduação, foi aluno de Jaime.

“Das homenagens que ele já recebeu, acredito que aquela foi a mais significativa para ele.  Ele estava ali, com a foto e a placa, no lugar que mais achava que era dele: dentro da sala de aula”, afirma Alexandre Gusmão, filho de Jaime. “Para mim, foi uma satisfação ver a universidade reconhecendo isso, e ele estar naquele lugar no qual participou ativamente”.

Karina Dourado, presidente do Núcleo Regional Nordeste da ABMS, também foi aluna de Jaime e hoje, professora, tem orgulho de dizer a seus alunos que teve a honra de tê-lo como professor. “Um professor que era reconhecido pela sua competência, por sempre trazer para a sala de aula, além do conhecimento teórico, a prática. Casos reais, situações de obras e projetos que ele participava”.

“Jaime sempre foi uma figura muito respeitada no Brasil e, principalmente, na região Nordeste”, destaca André Assis, presidente da ABMS. “Esta homenagem é a perpetuação do mestre”.

A solenidade

Na solenidade do dia 14 de março estiveram presentes o pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da UFPE, Francisco de Sousa Ramos, o chefe do Departamento de Engenharia Civil, José Jeférson do Rego Silva, o coordenador do Programa de Engenharia Civil, Roberto Quental Coutinho, o presidente do Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura de Pernambuco (CREA-PE), José Mário de Araújo Cavalcanti, o presidente da ABMS, André Pacheco de Assis, a presidente do NRPE da ABMS, Karina Arruda Dourado, e Alexandre Gusmão, filho de Jaime.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *